Inicio Bem-Estar Nutrição Iogurtes biológicos: propriedades e benefícios

Iogurtes biológicos: propriedades e benefícios

Seja ao pequeno-almoço, ao lanche ou até ao final das refeições principais, o consumo de iogurte é frequente. Este produto coagulado tem origem pela fermentação do leite através da ação de microrganismos específicos. A escolha é vasta e com facilidade encontramos diferentes tipos de iogurtes, desde sólidos a líquidos, naturais a aromatizados ou gordos a magros. Um termo que tem vindo a marcar presença nas prateleiras dos supermercados é o “biológico”.

Qual a principal diferença entre os iogurtes biológicos e os de produção convencional?

O interesse em alimentos biológicos tem vindo a crescer à medida que a consciencialização da sociedade sobre as práticas agrícolas e os métodos de produção alimentar têm aumentado. A agricultura biológica representa um sistema de gestão das explorações agrícolas e de produção de alimentos que combina as melhores práticas ambientais, respeitando a biodiversidade e a preservação dos recursos naturais.

A grande vantagem dos iogurtes biológicos provém do tratamento do animal. Na agricultura biológica os produtos e substâncias químicas apenas estão autorizados em situações muito específicas. Como exemplo, os antibióticos somente podem ser administrados em casos restritos de doença e a fim de tratar e de evitar o sofrimento, o que proporciona uma maior saúde e bem-estar do animal.

Este método sustentável de produção pretende que os produtos sejam cultivados e produzidos de forma natural, o que se reflete numa vantagem e num fator diferenciador do produto.

Quais os benefícios do consumo de iogurte?

Os iogurtes, assim como outros produtos fermentados, disponibilizam nutrientes extremamente importantes para o organismo e apresentam algumas características e propriedades que os tornam ingredientes únicos. Segundo a Associação Portuguesa dos Nutricionistas (APN), o iogurte pode fazer parte de uma alimentação saudável.

O iogurte tem maior digestibilidade que o leite

Devido à degradação parcial de proteínas, lípidos e hidratos de carbono, o iogurte apresenta uma maior digestibilidade que o leite.

É um produto versátil e prático

Os iogurtes podem ter uma grande variedade de aromas. No entanto, é necessário ter em atenção a quantidade de açúcar presente nos iogurtes. A OMS limita ingerir uma quantidade de açúcares simples diária de cerca de 50 gramas – quantidade inferior a 10% do total da energia diária. Uma boa alternativa é optar por um iogurte natural biológico e adicionar fruta, cereais e sementes a gosto. Isto faz com que seja uma escolha prática para consumir em diferentes momentos do dia e a refeições intercalares.

Uma boa alternativa ao leite

Para os adultos e crianças que não apreciam leite, os iogurtes são uma boa alternativa. Segundo a APN, os iogurtes, quando consumidos ao natural ou com sabores combinados, permitem uma mais fácil ingestão de alguns micronutrientes presentes no leite, como proteínas, cálcio, fósforo e vitaminas A, B2 e D. Além disso, quando de base vegetal ou sem lactose, os iogurtes sólidos ou líquidos podem ser uma opção para algumas pessoas sensíveis à lactose.

Apresenta-se como uma boa fonte de proteína

As proteínas do iogurte, assim como as do leite, são de elevado valor biológico. Isto significa que contêm todos os aminoácidos essenciais nas proporções adequadas. Por norma, o valor de proteína do iogurte é superior ao do leite, devido à adição de leite desidratado durante o processamento. Além de superior, a proteína é também mais facilmente digerida.

Contém minerais importantes

Os iogurtes, e os produtos lácteos no geral, destacam-se pelo seu conteúdo em cálcio. No entanto, são também uma boa fonte de potássio, fósforo, magnésio e zinco.

O iogurte é um alimento de fácil digestão e que fornece inúmeros nutrientes. Além disso, as opções de iogurtes biológicos começam a fazer cada vez mais sentido. A relevância da produção biológica é crescente, devido à necessidade e procura por produtos naturais, saudáveis e amigos do ambiente. Pela origem dos seus ingredientes e métodos de produção, resultam em produtos de valor acrescentado que podem fazer parte de uma alimentação saudável, variada, equilibrada e consciente.

Avise aqueles que lhe são próximos dos benefícios dos iogurtes biológicos partilhando este artigo nas redes sociais e invistam numa alimentação saudável.

ÚLTIMOS ARTIGOS

Que tipo de vinhos escolher para pratos de carne?

Quem aprecia uma boa refeição sabe que a bebida que a acompanha é, muitas vezes, tão importante quanto a própria refeição. Um...

Como registar animais de estimação

Ter um animal de estimação é, sem dúvida, um privilégio. No entanto, trata-se de uma decisão que não deve ser tomada de...

Dicas para uma melhor higiene oral

Certamente já ouviu dizer que “É melhor prevenir do que remediar”. No que diz respeito à saúde, este ditado torna-se ainda realista.

Descubra as cápsulas de café Continente Seleção

Sabia que o café teve a sua origem na Etiópia? Reza a lenda que enquanto um pastor passeava as suas cabras nos...

Hambúrgueres com Molho de Cogumelos

Se é amante de hambúrgueres, porque não juntar molho de cogumelos? Experimente esta receita e delicie-se com o resultado.