Inicio Bem-Estar Nutrição Saiba ler rótulos e faça escolhas saudáveis

Saiba ler rótulos e faça escolhas saudáveis

Para melhor decidir o que comemos, é essencial saber ler a informação nas embalagens. Aprender a ler rótulos é fundamental para fazer escolhas alimentares saudáveis.

O que envolve ler rótulos?

Existe uma série de informações que constam no verso das embalagens e que interessa interpretar para perceber quais são as alternativas mais saudáveis. Deste modo, quando for ao supermercado tenha em atenção:

Declaração nutricional

A versão mais completa inclui o valor energético do produto (valor calórico) e os nutrientes obrigatórios (lípidos, ácidos gordos saturados, hidratos de carbono, açúcares, proteína e sal). Pode também apresentar teores de fibra, vitaminas, minerais, ácidos gordos monoinsaturados, ácidos gordos polinsaturados, entre outros. A informação é, normalmente, apresentada por cada 100 g ou 100 ml e por porção ou unidade.

Lista de ingredientes

Deve ser a primeira coisa a ler. Os ingredientes são apresentados por ordem decrescente em função da quantidade, ou seja, o que está em maior porção surge primeiro, depois vem o segundo ingrediente mais abundante e assim sucessivamente. Os aditivos (substâncias adicionadas para melhorarem as características ou longevidade do produto) são representados pela categoria e nome específico ou pela letra ‘E’, seguida de um número com três algarismos (Ex. antioxidante E300). A presença de elementos alergénicos (glúten, amendoim, etc.) também é aqui identificada.

Condições de conservação

Recomendações essenciais sobre como manter e armazenar os alimentos em condições de consumo, quer fechados quer depois de abertos.

Data de validade

Indica a data-limite até à qual o produto deve ser consumido, designada por ‘Consumir até’, ou a data de durabilidade mínima, que representa o prazo até ao qual se garantem todas as suas propriedades, designada por ‘Consumir de preferência antes de’.

Além da informação básica sobre a composição dos alimentos, algumas marcas apresentam até um resumo nutricional na frente da embalagem sob a forma de semáforo, com as cores verde, amarelo e vermelho, no que diz respeito aos elementos que, em excesso, são mais perigosos para a saúde: açúcares, gordura (lípidos), gordura saturada (saturados) e sal. Informam, através de um código de cores, a presença em maior ou menor grau, dos nutrientes que, em excesso, mais prejudicam a saúde. Além disso, pode indicar a energia em quilocalorias ou quilojoules e a percentagem do Valor Diário de Referência (DR) que uma porção do produto (100 g para alimentos/100 ml para bebidas) fornece de cada nutriente.

Saber ler rótulos e interpretá-los é essencial para vigiarmos exatamente o que comemos, em que quantidades e se está dentro do prazo de validade. A vida é feita de escolhas e, por isso, há que saber fazê-las. Partilhe estas indicações com aqueles que lhe são próximos como alerta sobre a necessidade de conhecer aquilo que se consome.

ÚLTIMOS ARTIGOS

Era uma vez uma marca que nasceu para cuidar do seu bebé

A chegada de um bebé traz consigo muita felicidade. É o início de um novo ciclo e os pais fazem o seu...

O que encontra na padaria Continente?

Se é um apreciador de pão, certamente conhece as padarias Continente, onde encontra uma variedade de pães, de todas as regiões de...

Massa com frango e limão

O limão do Algarve, adicionado à massa de strogonoff de frango, sublinha os sabores e dá um toque particular a uma receita...

Saiba como fazer o café Dalgona, o café preferido da Internet

Café Dalgona é a bebida sensação que vai querer experimentar agora! Com bebida vegetal da  marca Rude Health, à venda no espaço...

Os diferentes perfis de whisky

Uma garrafa de whisky é sempre um presente de requinte, seja uma simples garrafa ou um gift set composto por um bom...