Inicio Lifestyle Vinhos 10 vinhos verdes a experimentar no verão

10 vinhos verdes a experimentar no verão

Ao longo das regiões costeiras do centro e norte, em particular no Minho – a região dos Vinhos Verdes – as uvas amadurecem menos do que nas regiões interiores de Portugal e muito menos do que no sul. Dos bagos do litoral nascem vinhos leves, refrescantes, com típica presença gasosa e delicioso final agridoce. Típico e diferente como nenhum outro, o Vinho Verde é protegido internacionalmente, designando uma das mais famosas Denominações de Origem de vinho em Portugal.

Na primavera e verão, a vida torna-se mais ligeira, à semelhança do Vinho Verde. Passamos a desfrutar da comida simples ao ar livre e a sardinha assada começa o seu reinado à mesa. Opte pelos Vinhos Verdes mais leves e genéricos para saladas, peixe e marisco miúdo. Guarde os Verdes de uma só casta – Alvarinho, Loureiro, Avesso ou Azal – para pratos de dimensão mais mastigável, desde o bacalhau à Brás, passando pelo arroz de marisco ou caldeirada até aos bons robalos da nossa costa. Na cor rosé, o Vinho Verde é bom parceiro de pregos, bifanas ou de carnes brancas simplesmente grelhadas. 

Top 10 Vinhos Verdes

Conheça alguns dos vinhos verdes que o Continente oferece para enriquecer as suas refeições.

1. Casa de Vila Verde Loureiro Grande Escolha DOC Vinho Verde Branco

De cor citrina, destaca-se pela sua frescura, acidez equilibrada e elegantes notas frutadas com excelente equilíbrio e persistência. Com bom final de boca, revela-se macio e com boa estrutura.

Casa de Vila Verde Loureiro Grande Escolha DOC Vinho Verde Branco
Casa de Vila Verde Loureiro Grande Escolha DOC Vinho Verde Branco

2. Ponte da Barca Reserva DOC Vinho Verde Branco

De cor citrina, sabor intenso, harmonioso e refrescante. Possui aroma a frutos cítricos, floral e com uma ligeira presença de gás carbónico.

Ponte da Barca Reserva DOC Vinho Verde Branco
Ponte da Barca Reserva DOC Vinho Verde Branco

3. Adega Ponte de Lima Escolha DOC Vinho Verde Branco

Apresenta cor citrina, olfato a frutos cítricos. Sabor delicado, bem estruturado e seco.

Adega Ponte de Lima Escolha DOC Vinho Verde Branco
Adega Ponte de Lima Escolha DOC Vinho Verde Branco

4. Corço DOC Vinho Verde Branco

Cor citrina leve e com aroma frutado. Notas de frutos tropicais e citrinos. Boca crocante com acidez equilibrada e fino. Final refrescante e elegante.

Corço DOC Vinho Verde Branco
Corço DOC Vinho Verde Branco

5. Leira do Canhoto DOC Vinho Verde Branco

Cor citrina brilhante. Aroma fresco e característico entre a mineralidade e tropicalidade. Sabor fresco frutado de corpo cheio e longo final de boca.

Leira do Canhoto DOC Vinho Verde Branco
Leira do Canhoto DOC Vinho Verde Branco

6. Albenaz Jardim Secreto Alvarinho Premium DOC Vinho Verde Branco

Aroma fresco com sinais de mineralidade.  De sabor frutado, tem um bom caráter.

Albenaz Jardim Secreto Alvarinho Premium DOC Vinho Verde Branco
Albenaz Jardim Secreto Alvarinho Premium DOC Vinho Verde Branco

7. Contemporal Loureiro DOC Vinho Verde Branco

Este vinho recebeu o prémio de melhor branco no Concurso Salute To Excellence Plma. De cor citrina e aroma frutado, com notas de fruta tropical e sabor elegante e fresco.

Contemporal Loureiro DOC Vinho Verde Branco
Contemporal Loureiro DOC Vinho Verde Branco

8. Afonsino DOC Vinho Verde Branco

De cor citrino e aroma frutado, com nuances de pêssego e alperce e jovem. Sabor frutado, persistente e seco.

Afonsino DOC Vinho Verde Branco
Afonsino DOC Vinho Verde Branco

9. Pavão Grande Escolha DOC Vinho Verde Branco

Cor citrino. Com sabor a lima, maçã e pêssego. Fresco e bem equilibrado, com boa acidez. Apresenta um perfil de aroma distinto.

Pavão Grande Escolha DOC Vinho Verde Branco
Pavão Grande Escolha DOC Vinho Verde Branco

10. Contemporal Alvarinho DOC Vinho Verde Branco

De cor citrino, aroma frutado delicado e bem estruturado. Com final longo e persistente.

Contemporal Alvarinho DOC Vinho Verde Branco
Contemporal Alvarinho DOC Vinho Verde Branco

Na maioria das prateleiras e das cartas de vinho dos restaurantes, quando nos referimos a “Verdes” estamos, tecnicamente, a falar de um vinho branco, com uma certificação de origem. “Verde” não é a cor do vinho. Em qualquer região do mundo, as adegas só elaboram três cores de vinho: Branco, Rosé e Tinto. O mesmo acontece na região demarcada dos Vinhos Verdes.

Agora que sabe mais sobre vinho verde, aproveite para degustar os vinhos do Continente e explore todas as possibilidades de harmonização que este vinho de Portugal permite. Aproveite para partilhar essas novidades com amigos!

ÚLTIMOS ARTIGOS

4 ideias de prendas de Natal para fazer em casa

Caminhamos a passos largos para o Natal e a lista de prendas começa a ser feita. E porque não, neste Natal, oferecer...

As propriedades nutricionais dos frutos secos para o seu Natal

O Natal está a chegar e com ele o aumento significativo do consumo dos chamados frutos secos. Estão presentes na maioria das...

Renove a sua decoração de outono/inverno com as novas coleções Kasa.

Os dias cinzentos, com chuva e frio chegaram. O verão já lá vai, o calor também, e o tempo que passamos em...

Lasanha de Bacalhau com Espinafres

Para si que gosta de bacalhau, trazemos-lhe uma receita de lasanha de bacalhau. Se gosta muito de lasanha, então esta receita vai...