Inicio Bem-Estar Exercício Físico 5 desportos aquáticos para praticar este verão

5 desportos aquáticos para praticar este verão

Com a chegada do verão e o aumento do calor, cresce também a prática de desportos aquáticos. Se nunca experimentou e está com vontade de experimentar desportos diferentes, fique com estas cinco sugestões de desportos aquáticos. Além de treinar e cuidar do seu físico, também estará em contacto com a natureza.

A costa portuguesa, com os seus longos areais, diferentes tipos de ondulação e várias escolas dedicadas ao acompanhamento de desportos aquáticos, é perfeita para esta experiência.

Desportos náuticos ideais para o verão

A prática do surf

Desportos aquáticos: surf

Dos desportos náuticos, o surf é talvez o mais conhecido e o mais praticado. Executado em pé, em cima de uma prancha que pesa em média entre 3 a 7 kg, o surf consiste em tentar acompanhar e apanhar a melhor onda possível, fazendo manobras radicais na água. A prancha tem um formato alongado, com as pontas mais finas e tem também uma quilha para ajudar na velocidade e estabilidade.

Opte também pelo bodyboard

Desportos aquáticos: bodyboard

O bodyboard é um pouco diferente. A prancha é mais larga e mais curta que a de surf. Isto para que possa fazer manobras em cima dela, mas de joelhos ou deitado. Não se esqueça de usar barbatanas para o ajudar a ter mais força nas pernas e mais velocidade. No bodyboard é mais fácil de manobrar a prancha, porque não precisa do equilíbrio que o surf exige.

Tem uma boa caixa de ar? Pratique snorkeling

Desportos aquáticos: snorkeling

Este é daqueles desportos aquáticos que não vai querer deixar de experimentar. Chama-se snorkeling e é também conhecido como “mergulho livre”. Para a prática deste desporto, precisa apenas de óculos de mergulho, tubo e barbatanas. É praticado em locais com águas rasas e nas quais a sua transparência permite contemplar a fauna e flora marinha. Mergulhe por águas límpidas e locais únicos, pela superfície e respirando pelo tubo, à medida que vai avançando usando as barbatanas.

Kitesurf: fazer do vento um parceiro

Desportos aquáticos: kitesurf

Esta é outra modalidade náutica a considerar. Neste caso, o vento é um elemento essencial. O kitesurf é, no fundo, fazer surf com parapente. Recorre-se a uma prancha e um kite e, apesar do vento ser um requisito obrigatório, não é necessário que haja ondulação, podendo assim ser praticado tanto em lagos como no mar. É conveniente ter algumas aulas para adquirir alguma prática e conhecimento dos procedimentos de segurança essenciais.

Stand Up Paddle (SUP)

Desportos aquáticos: stand up paddle (SUP)

O stand up paddle também requer pouca ondulação e consiste em navegar em cima de uma prancha – de pé ou de joelhos – com recurso a um remo. Pode ser praticado em mar aberto ou em rios e lagos. Inicialmente é feito em locais com águas calmas já que o essencial é ganhar estabilidade. A prancha – denominada de paddle – deve ser larga e espessa.

Fique com estas cinco sugestões de desportos aquáticos, escolha a melhor para si e lance-se à aventura. Não se esqueça de tomar todas as precauções e, se possível, inscreva-se em aulas ou, no mínimo, seja acompanhado por alguém mais experiente. Partilhe este artigo, junte os amigos e familiares e divirtam-se!

ÚLTIMOS ARTIGOS

Tofu com Broa e Ervas

Tofu com Broa e ervas, uma receita tipicamente portuguesa adaptada a uma alimentação vegetariana. Receita prática e saborosa.

Carpaccio de Laranja, Mozarela, Pesto, Nozes e Canónigos

Com a chegada da Primavera sabe sempre bem um prato mais leve. Experimente um carpaccio com laranja, mozarela, pesto, nozes e canónigos!

Como escolher o melhor presunto

Alimento que casa bem com tudo, o presunto não deixa ninguém indiferente. Saiba como escolher o melhor presunto.

Conheça os benefícios de consumo do Kiwi

Conheça os benefícios do kiwi e como tirar partido deste fruto. Saiba como escolher, consumir e conservar o Kiwi.

Como pintar ovos da Páscoa

Saiba como pintar ovos de Páscoa. Pinte e dê asas à sua imaginação. Crie momentos divertidos e coloridos em família com os mais pequenos.